O que é a Biomassa

Do ponto de vista da ecologia a biomassa é a quantidade total de matéria viva existente num ecossistema ou numa população animal ou vegetal.Do ponto de vista da geração de energia, abrange os derivados recentes de organismos vivos utilizados como ou para a produção de combustíveis.
A biomassa é utilizada na produção de energia a partir de processos como a combustão de material orgânico produzida e acumulada num ecossistema, porém nem toda a produção primária passa a incrementar a biomassa vegetal do ecossistema.
Parte dessa energia acumulada é empregue pelo ecossistema para a sua própria manutenção.

As suas vantagens são o baixo custo, ser renovável, permitir o reaproveitamento de resíduos e é ser menos poluente que outras formas de energias como aquela obtida a partir de combustíveis fósseis.

Biomassa Ciclo Vida

É menos por poluente porque a queima de biomassa apesar de provocar a libertação de CO2 (dióxido de carbono) para atmosfera, este CO2 já tinha sido absorvido pelas plantas que deram origem ao combustível, tornando assim, o balanço de emissões de CO2 nulo.

De acordo com a Directiva 2001/77/CE DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO de 27 de Setembro de 2001 relativa à promoção da electricidade produzida a partir de fontes de energia renováveis no mercado interno da electricidade “Biomassa é a fracção biodegradável de produtos e resíduos provenientes da agricultura (incluindo substâncias vegetais e animais), da silvicultura e das indústrias conexas, bem como a fracção biodegradável de resíduos industriais e urbanos”

Gostou? Partilhe esta página 🙂 Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrShare on LinkedIn